Gestão de resíduos


Gestão de resíduos

Melhoria dos processos

Esta frente de atuação interage
com os seguintes stakeholders:

 

A fim de atender às diretrizes da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), o Carrefour vem trabalhando na melhoria de seus processos de gestão de resíduos. Em 2014, o Grupo redefiniu um modelo corporativo de Plano de Gerenciamento de Resíduos que atende todos os seus modelos de negócio. Novos equipamentos foram adquiridos e o contrato com os prestadores de serviços, readequados. Algumas lojas da rede receberam um projeto piloto de gestão total de resíduos, em que o percentual de resíduos enviados a reciclagem cresceu 40%. O Carrefour utiliza seu poder de influência na busca de alternativas para o descarte adequado de resíduos em todos os municípios em que opera. Nos locais em que não há disponibilidade de alternativas como a compostagem, os resíduos ainda são encaminhados para aterro sanitário.

 

Compostagem de resíduos

Quinze filiais do Atacadão (12 em São Paulo e três em Cuiabá) fazem compostagem de material orgânico, sendo que a parte seca segue para a fábrica de ração, e a parte reciclada potencializou seu tratamento para papelão, plástico e alumínio (TetraPak também). No Brasil, 80% das filiais são avaliadas em avaria de carnes, vendidas para empresas que fazem ração animal. O óleo de refeitório (pouco usado), a margarina e a banha são 100% encaminhados para reciclagem.